Sobre os Óscares... #3

Por último e ainda sobre os Óscares tenho umas coisinhas a dizer e opinar.

Melhor filme: 12 Anos Escravo . 
Ok. Não está mal. O filme é bom, o tema é delicado. É o prémio politicamente correto, como se custuma dizer. Mesmo assim não deixo de lhe tirar o chapéu.

Melhor Atriz  e Melhor Atriz Secundária: Cate Blanchett em Blue Jasmine e Lupita Nyong'o em 12 Anos Escravo. 
Apostas ganhas. E bem merecidos, na minha opinião!
Gostei do discurso emocionado da Lupita. 


Melhor Realizador: Alfonso Cuarón em Gravidade.
Mais uma vez nada para o Martin Scorsese. Não acho justo.

Melhor Ator Secundário: Jared Leto em O Clube de Dallas.
Justíssimo.
E que belo discurso. Gostei.

Os dois atores secundários permiados. 
A Lupita a fazer de emplastro! Hehe

Melhor filme de animação: 
Frozen. 
Yeahhh! Estava a trocer por este filme da Disney.
Acho que se esmeraram com este filme como há muito não o faziam. Desde a banda sonora, aos desenhos. Tudo como nos velhos tempos. 

Melhor Guarda Roupa: O Grande Gatsby.
Fantástico e insdiscutivelmente justo.
Fiquei tão feliz por o filme ter levado 2 óscares para casa.

Melhor Música de Filme: 'Let it go' em Frozen. 
Não está mal. Também fiquei contente.
Mas confesso que estava a torcer um pouquinho mais ainda pelo 'Happy' do meu querido Pharrel. Gostei tanto de ver o Pharrel a pôr a Amy Adams e a Meryl Streep a dançar na primeira fila.
Aquele Homem é o maior!
:)



Melhores Efeitos Espaciais: Gravidade.
Aqui sim, categoria merecida.

A Melhor Curta de Animação não foi para o português Daniel Sousa. Mas a nomeação já foi muito bom.

Achei uma injustiça o filme Lobo de Wallstreet não ter arrecadado nem um único óscar. Merecia. Sem dúvida que para uns pode ser um filme chocante, ou só sobre prostitutas, dinheiro e drogas. Mas é preciso ver mais do que isso. É um filme muito bem conseguido. Muitíssimo bem interpretado e bastante arriscado.
Penso que pelo tema da ambição e dos excesso não tenha levado o óscar de melhor filme. E assim ficou a luta mais renhida entre filmes com temas como a SIDA e a escravatura. 
Mas tudo bem. Também compreendo que temas destes são importantes serem abordados em filmes.
Não quero roubar méritos nem créditos a nenhum filme.

Não vou opinar sobre as restantes categorias. Pois não tenho nada a dizer. 
Ah esperem!
Tenho: O Leonardo Di Caprio não levou o óscar de melhor ator! Injustiça das grandes!! Já disse, e volto a dizer mais se for preciso.

Só gostava de acrescentar que gostei muito desta cerimónia da entrega dos Óscares de 2014, pois foi discontraidamente bem guiada pela Ellen Degeneris. Sentido de humor bem apuradíssimo.
Fartei-me de rir. E os convidados também.
Desde à selfie de grupo de atores e convidados à entrega de pizza ao Brad Pitt, Meryl Streep, Jennifer Lawrence, Kerry Washington etc.
Foi demais. Até o Twitter crashou devido às milhões de partilhas da foto de Ellen. Parece que a foto já bateu recordes e tudo.
Já ficou para a história, com certeza! 
E também se disse hoje em tudo o que era meio de comunicação que ainda ajudou ao negócio de venda de smartphones.
Hahahaha. Só mesmo a Ellen.










2 comentários:

  1. Ainda não tinha visto a foto do Brad Pitt a enfardar pizza com fé. Um senhor, só é pena o corte de cabelo a GI Joe :P
    Quanto aos prémios, concordo em certa parte com o que dizes sobre o lobo de wall street. Acho que é um filme bem feito, mas a meu ver não o suficiente para receber óscar de melhor realizador ou melhor filme - apoia-se numa história que por si só já resulta bem. O Leonardo, esse sim, acho que merecia. Não só pelo excelente desempenho no lobo, mas por todos os papéis em que tem arrasado. E no lobo vi facetas dele enquanto actor que desconhecia e que ainda aumentaram mais o meu respeito por ele. Ainda assim, não deixo de ficar contente pela atribuição ao Matthew pelo clube de dallas. Grande desempenho também, um papel completamente diferente do que costuma fazer para provar que não é actor só de carinha bonita. Seria a ele ou ao Leo que entregaria o prémio. Fiquei satisfeita na mesma ;)

    estenaoeumbloguedemoda.wordpress.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim é verdade que o Matthew saiu do registo dele. E isso tambem é de louvar. Não quero tirar nenhum mérito a nenhum dos vencedores mas continuo a achar que por este trabalho e todos os anteriores o Leonardo e Scorsese já mereciam o devido prémio, respeito e reconhecimento pela academia.
      Pois tenho a certeza que reconhecimento do público já todos terão.
      De qualquer forma cada um tem a sua opinião e torce pelos seus favoritos e estão todos de parabéns.
      E o Leonardo do Caprio continuará com certeza a fazer grandes desempanhjos e a mostrar o seu valor. Um dia há-de chegar o óscar ;)

      Eliminar